inglaterralondres

Dicas de como andar de metrô em Londres

metro londres mind the gap

Como se achar no metrô de Londres?

Londres tem uma das maiores linhas de metro do mundo, sendo uma parte subterrânea e uma parte ao ar livre. Na verdade, muitos fazem a pergunta “Como não me perder no metrô de Londres?”, pois ao olhar para o mapa do metrô e ver aquele lindo emaranhado de linhas e as diversas conexões entre elas, geralmente pode (e vai) ficar meio perdido sobre qual caminho é melhor a se fazer.

Mapa do metrô de Londres

Apesar de grande e aparentemente difícil de entender todas aquelas estações, depois de algumas viagens você entende a lógica. O mais divertido é que ao aprender a usar o metrô, você vai pensar: Nossa, como é fácil! Não sei como eu ficava perdido antes!

Claro que usar um mapa não tem tanto segredo assim, é mais uma questão de pegar prática. Se você fica mais tempo por lá, até já começa a saber de cabeça todo o mapa e as melhores conexões a se fazer.

O London Underground, também chamado pelo locais de Tube, completou 150 anos em janeiro de 2013.

Oyster Card

Se você estiver a passeio e for ficar 4 dias ou mais, vale a pena comprar o Oyster Card e colocar a passagem para a semana – weekpass. Ele é um cartão que dá direito a usar o metrô, ônibus e trens à vontade, quantas vezes quiser durante a semana. A maioria das atrações está concentrada nas zonas 1 e 2, portanto é aconselhável comprar o cartão válido para essas zonas. Caso precise ir mais longe, a partir da zona 3, é possível colocar um crédito extra no Oyster Card e usar à parte. Ao ir embora é possível vender o cartão, recebendo de volta o valor pago por ele.

No caso de ficar até 3 dias, é possível comprar cartão travelcard de uso diário, que também dá o direito de usar o transporte á vontade naquele dia.

Metrô de Londres - Mind the Gap
Vá se acostumando com o repetido “Mind the Gap”, emitido pelo sistema de alto-falante do Metrô

Dicas para o metrô de Londres

Vamos passar algumas dicas que podem ser válidas para poupar seu tempo dentro do tube.

  1. Fique atento ao destino que o metrô vai, em algumas linhas o caminho tem ramificações, cuidado para não ir para o ramo errado. Preste atenção nos letreiros do trem ou da plataforma.
  2. Não se deixe enganar pelas distâncias que estão no mapa, ele não é em escala 100% correta, a forma que ele é apresentado ali, é somente a melhor para poder caber no papel.
  3. Um site muito útil para fazer consultas de como ir de um ponto a outro usando o transporte público é o TFL: http://www.tfl.gov.uk/
  4. Se for no seu caminho, sempre prefira a Victoria Line (Linha azul clara). Ela é bem mais rápida pois pára em menos estações que as outras linhas. Ela faz o sentido Norte/Sul de Londres.
  5. Algumas estações, como a Green Park e London Bridge por exemplo, geralmente anda-se muito para trocar de linha. Às vezes é preferível fazer a conexão em outra estação.
  6. O intervalo do Overground (linha laranja) geralmente é um pouco maior que o do metrô. E no caso dele, deve-se prestar atenção pois tem muitas ramificações. Mas ainda é uma boa opção, pois é mais vazio.
  7. O DLR é mais lento que o metrô, mas é uma ótima opção para ir para o Leste, em Greenwich, e conhecer a parte mais “moderna” de Londres (Canary Wharf e arredores), onde estão as grandes empresas, etc.
  8. A District and Circle Line ssão mais lentas, pois são linhas muito antigas e os trilhos são de trem (não foram trocados). Em algumas plataformas passam diversos trens com diferentes destinos. Tenha atenção e sempre olhe no painel para onde vai o trem.
  9. Curta algumas estações que são temáticas como por exemplo Baker Street que tem a imagem do Sherlock Holmes em seus azulejos (além dela conservar a sua beleza de ser antiga), o mesmo ocorre na estação Victoria, onde tem a Rainha Vitória desenhada nos azulejos.Estação Baker Street Londres
  10. Algumas estações têm o seu charme nos pequenos detalhes, como esses azulejos da estação Aldgate East.
  11. Diversos clipes de música foram gravados no metrô de Londres, como por exemplo o Saturday Night do Suede. E o filme 007 – Operação Skyfall.
  12. Procure no Google uma infinidade de brincadeiras e mapas temáticos que são feitos com o mapa do metrô da capital inglesa.

O mais importante de tudo é: Não se assuste nem com o mapa, nem com as dicas dadas acima, o metrô é muito fácil de ser utilizado!

 

Dica City Tour – Bus 15

Se você quer fazer um city tour utilizando o transporte público (pagando a passagem com o travelcard ou oystercard), você deve pegar o ônibus 15 e sentar no upper deck (no andar de cima) de preferência no primeiro banco. Ele é bem famoso por passar por muitos pontos turísticos de Londres.

 

Aproveite para curtir a Saturday Night do Suede, gravado na estação Holborn do metrô. Que aliás, capta bem a essência de Londres x Metrô x Sábado a noite.

Share Button

Vai Viajar?

Já reservou o seu Hotel? Nós usamos e recomendamos o Booking para reserva de hotéis, com opções em todos os lugares do mundo e com diversos preços. Faça a sua reserva de hotel através do nosso link acima.

Não esqueça do Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa (Tratado de Schengen). Mesmo em outros países, é importante ter a assistência médica para casos de emergência.
Você pode parcelar em até 12x no cartão de crédito ou receber o desconto de 5% no boleto! Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: VIAGEMLADOB5

Vai alugar um carro? Temos parceria com a RentCars. Você paga em Reais e sem cobrança de IOF! Você pode pagar no cartão de crédito parcelado, ou receber desconto no boleto bancário!

Reservando com os nossos parceiros, você nos ajuda a manter o blog e a criar mais conteúdo!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O melhor do Lado B
Parques em Londres
National Gallery - Londres
Biergarten Berlim - Pratergarten
Rothenburg ob der Tauber
igreja saint sulpice paris praca