lisboamuseus/exposiçõesportugal

Casa dos Bicos – Fundação José Saramago em Lisboa

casa dos bicos

Atualizado em 24/07/2017

Visitar Lisboa é conhecer parte de nossa história e da nossa cultura. Há muitos lugares para visitar e um deles, é sem dúvida a Fundação José Saramago na Casa dos Bicos.

Esse é um lugar para descobrir mais sobre o escritor português José Saramago, o único escritor de língua portuguesa a ganhar o prêmio Nobel de literatura. Inclusive os restos mortais do Saramago estão sepultados ali, sob uma oliveira trazida de sua cidade natal (o vilarejo de Azinhaga).

Ela foi inaugurada em 2012 e é um espaço com exposições, recitais, conferências, cursos, seminários, sobre o Saramago, literatura portuguesa e meio ambiente.

A Fundação abriga a exposição permanente “A Semente e os Frutos”, que reúne livros que Saramago traduziu, manuscritos, notas pessoais, agendas, recortes de jornais e os livros do autor,  em português e outras línguas. Também tem áudios com entrevistas e vídeos dele e sobre ele. No fim da exposição, foi montado o escritório do Saramago, com sua escrivaninha e outros objetos pessoais, como os óculos e a máquina de escrever.

A Casa dos Bicos fica na margem do Rio Tejo e ela em si é uma obra de arte, com muita história. O edifício foi construído em 1523 por Brás de Albuquerque (filho do vice-rei da Índia), após uma viagem a Ferrara (Itália) em que ele se apaixonou pelo Palácio dos Diamantes. É provável que o proprietário quisesse que ela fosse conhecida como “Casa dos Diamantes”, mas o povo da época não viam mais que bicos de pedra. Ao longo dos tempos a casa serviu a várias funções, inclusive por algum tempo foi armazém de bacalhau. Até 2002, foi Comissão dos Descobrimentos.

By Jake Setlak from Chicago, via Wikimedia Commons

Com tudo isso, marcas foram deixadas nessa casa e hoje é possível ver os vestígios das épocas passadas. No piso térreo está em exposição: um conjunto de estruturas que remonta às primeiras ocupações do espaço, um pedaço da muralha fernandina, tanques romanos (setárias) de base quadrangular, destinados à salga e conserva de peixes e por restos de cerca moura.

 

Informações
Endereço: Rua dos Bacalhoeiros, 10, 1100-135 Lisboa.
Horário: de segunda-feira a sábados das 10h às 18h.
Ingresso (2017): 3,00 euros. Há vários tipos de bilhete, como família e estudante.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O melhor do Lado B
Parques em Londres
National Gallery - Londres
Biergarten Berlim - Pratergarten
Rothenburg ob der Tauber
igreja saint sulpice paris praca